10 formas de como monetizar um site

formas de monetizar o seu site

Será que é possível ganhar dinheiro com um site? Desde meados da década de 90, quando a internet aos poucos foi ingressando no dia a dia de todos nós, que essa pergunta vem sendo feita.

A resposta para ela é sim! É possível monetizar um site, o tornando um investimento lucrativo e, acreditem, a sua principal fonte de renda.

Imagine ter a possibilidade de trabalhar gerenciando o seu site, tendo a possibilidade de pagar os seus boletos criando e disseminando conteúdo. Não há dúvidas que é possível sim tornar um site rentável.

Apesar da possibilidade, é bom ficar de olho nas dificuldades. Não basta apenas criar o seu site ou blog, despejar conteúdo e acreditar que o dinheiro irá surgir como se fosse mágica. É necessário contar com planejamento, estratégia e as ferramentas certas.

Nesse artigo você vai ficar por dentro das principais dicas que poderão tornar o seu site mais do que um simples canal, mas sim, um empreendimento capaz de render um bom dinheiro.

A importância de uma boa plataforma

Assim como não há como construir uma casa sem uma boa estrutura, nem pense em criar um site sem poder contar com uma boa plataforma. E quando se fala em plataforma ideal para criar e monetizar um site, o primeiro nome que vem à mente é o WordPress.

A razão para o WP estar no topo da lista das plataformas são várias. Porém, podemos dizer que basicamente ele tem tudo para conferir um bom desempenho para o seu site, o tornando perfeito para ser monetizado.

Além disso, se você pensa que para criar e gerenciar um site terá que aprender tudo (e mais um pouco) sobre códigos de programação, o WordPress faz questão de mostrar exatamente o contrário.

Por isso, só para você ter uma ideia mais precisa sobre o quanto ele pode ajudar você a ganhar dinheiro com um site, dê uma olhada nesses benefícios que essa plataforma proporciona.

O WP é uma plataforma de código aberto

O que isso significa? Ser de código aberto, ou open source, quer dizer que o código-fonte está disponível para todos os usuários.

Ou seja, usuários de qualquer lugar do planeta estão aptas a estudar, alterar e fazer testes no WordPress. Tanto você, na sua casa, quanto um usuário residente no Japão poderão contribuir com a qualidade da plataforma reportando bugs e sanando problemas.

Além disso, o WordPress conta com uma comunidade bastante atuante que está em constante trabalho para melhorar ainda mais as funcionalidades desse sistema.

É uma plataforma para o que der e vier

O WordPress é versátil e isso é muito importante para quem quer ganhar dinheiro gerenciando um site. O CMS demonstra eficiência para ajudar os mais variados tipos de projetos online.

Se você quer gerenciar uma loja online, o WordPress possui recursos para isso. O mesmo vale para blogs de conteúdo, portfólios e sites institucionais.

Plugins e temas variados

O WP é intuitivo, isso quer dizer que criar um site não será um trabalho árduo, desses que exige calma, altas doses de paciência e um punhado de conhecimento técnico. Uma das grandes vantagens é que a plataforma conta com vários plugins que facilitam o seu gerenciamento.

Plugins são extensões que servem para otimizar funções específicas. Há plugins com o objetivo de reduzir as imagens nas postagens, como há aqueles que ajudam a encontrar as melhores palavras-chave para as postagens.

O WP conta com mais de 1000 plugins em seu diretório, porém, se você quer ganhar dinheiro com o seu site e garantir para ele sempre uma boa performance, instale plugins com moderação. O excesso deles torna o seu site lento e isso prejudica a Experiência do Usuário.

Também é pertinente destacar a quantidade de temas. A plataforma disponibiliza para o usuário vários temas para personalizar um site. É impossível não encontrar algum que caia como uma luva para a proposta do seu projeto. 

Conheça 10 formas de como monetizar um site

Agora que você e o WordPress já foram devidamente apresentados, é a hora de saber como definitivamente você vai ganhar dinheiro com um site. Ter tráfego é a base de tudo, pois um site só poderá ser chamado de lucrativo se contar com muitos acessos.

Por isso, saber como monetizar o seu site é também encontrar maneiras para que ele tenha um bom tráfego.

Criar conteúdo capaz de fisgar o seu público é o básico. Porém, além do conteúdo é importante levar em consideração onde, como e quando você divulga o seu site. A divulgação para atrair leitores é importante.

Além do mais, é bom lembrar das técnicas de SEO e de proporcionar uma boa Experiência ao Usuário. Ainda bem que, nesse sentido, o WP é amigável aos dispositivos móveis e, inclusive, conta com plugins que auxiliam na otimização. O Yoast SEO é um desses plugins.

Quando você olhar para as estatísticas do seu site e sorrir ao ver a curva de tráfego apontando constantemente para cima, então já é a hora de tornar o seu projeto online mais rentável. Portanto, fique atento para as dicas a seguir.

1 – Venda de espaço no site para anunciantes

Essa estratégia permite ganhar dinheiro exibindo anúncios em seu site. O espaço do anúncio pode ser um link no rodapé da página, pode ser banners nas laterais ou popups. O valor deles é variável e é você quem determina o preço e negocia os espaços.

No entanto, para que essa estratégia seja lucrativa é necessário contar com uma elevada taxa de conversão. Nesse caso ter tráfego ainda é relevante, mas não é o suficiente.

Isso ocorre porque essa estratégia depende dos modelos pay-per-click ou pay-per-visitor. Você será pago por anúncios, porém vai depender da quantidade de usuários que clicarem no seu anúncio ou visitarem o site.

Além do mais, é importante mostrar para os anunciantes que o seu site quer mostrar os produtos deles. Portanto, utilize kits que destacam as estatísticas positivas do seu site e envie esses kits para os anunciantes.

No WordPress, por exemplo, você pode instalar o Google Analytics, que traz informações precisas sobre o tráfego do seu site.

2 – Anúncios por meio do Google AdSense

O famoso Google AdSense monetiza o seu site pelo modo PPC (Pay Per Click). Nesse caso, a sua renda virá sempre que um usuário clicar em um banner de anúncio. Além disso, é bem fácil efetuar um cadastro no AdSense.

3 – Ganhar dinheiro por meio de patrocínio

Está aí uma alternativa que vai depender muito do quanto os seus leitores apreciam o seu conteúdo a ponto de investir dinheiro neles.

Você pode avisar no seu site que, para garantir que mais informações de qualidade para os leitores, é necessário contar com doações espontâneas.

Não espere que todos os leitores irão doar, mas caso você conte com tráfego satisfatório, poderá obter renda para melhorar ainda mais o seu site.

Para facilitar o patrocínio e conferir mais credibilidade, instale no seu site botões adequados para esse fim e utilize métodos online de pagamento, como, por exemplo, o PayPal e o Fundly.

4 – Experimente o Marketing de afiliados

É uma das opções mais conhecidas. Não precisa ter produtos para vender, pois você ganha as comissões quando os leitores compram os produtos ou os serviços da empresa em que você está afiliado.

Para aderir a esse modelo, você deve contar com um programa de afiliados. Existem vários e alguns exemplos são o Hotmart, Hostinger e o CJ Affiliate. 

5 – Use o modelo de conteúdos patrocinados

Nesse caso você deve contar com parcerias. Sendo assim, os anunciantes pagam para você publicar no site ou blog conteúdo relacionado aos produtos ou serviços que eles vendem.

Você pode realizar as postagens desse conteúdo no formato de anúncios de produtos ou infográficos. É interessante publicar conteúdos que façam uma avaliação do produto.

Enfim, depende da sua criatividade e de uma boa conversa com os anunciantes para pensar na melhor forma de apresentação.

Além disso, nem sempre há a necessidade de você redigir o conteúdo. Em alguns casos a própria empresa patrocinadora pode efetuar essa parte. Contudo, vale destacar que você pode (e deve) exigir uma taxa mais elevada caso você crie a postagem.

Para investir nesse modelo de conteúdos patrocinados é interessante ter um portfólio e divulgar bastante o seu site. É importante também levar em conta outro detalhe: o valor que você vai cobrar.

Da mesma forma, é preciso levar em consideração que você vai gastar tempo para produzir o conteúdo, a sua relevância como influenciador online, a quantidade de postagens que você vai redigir por mês e também o valor de marca.

6 – Invista em uma loja virtual

O e-commerce algum tempo vem ganhando destaque no Brasil, especialmente após o advento da pandemia do Coronavírus. O distanciamento social e a necessidade das empresas digitalizarem os seus negócios ajudaram o avanço do comércio online.

Criar um site e transformá-lo em uma loja virtual hoje em dia pode ser mais demorado que investir em um site comum, porém se tornou uma alternativa viável para quem quer ganhar dinheiro trabalhando na internet.

Nesse caso, além de criar um site, é necessário levar em consideração outros detalhes, como, por exemplo, ter uma boa plataforma (o bom e velho WordPress está aí para isso). É fundamental também investir em serviço de hospedagem de site e comprar domínio.

Além desses quesitos técnicos, é preciso definir qual é o produto a ser vendido, qual é o público de consumidores, bem como estabelecer estratégias de marketing.

7 – Invista em links de afiliados com cupons

“Descontos”, eis aí a palavrinha mágica capaz de colocar um sorriso no rosto de qualquer consumidor. Por essa razão, um formato de monetização é disponibilizar cupons para os parceiros afiliados.

Nesse caso, publique cupons de parceiros que você já possui em seu site. Converse com revendedores tendo o objetivo de assegurar ofertas para você publicar em seu site. 

8 – Utilize a estratégia dos sites de associados

Nesse modelo a cobrança será feita quando os visitantes acessarem determinados conteúdos do site.

Quer um exemplo na prática? Imagine que você gerencia um site que traga conteúdo geek, para o público que curte X-Men, Dragon Ball, fantasia e ficção científica.

Nesse caso, você pode oferecer dicas para quem quer desenhar, criar personagens e escrever histórias em quadrinhos. O visitante que desejar acessar essas dicas no seu site, deverá pagar um valor.

Há alternativas interessantes para isso. Uma delas pode ser permitir acesso por tempo limitado. Sendo assim, o usuário terá conteúdo gratuito por um período, posteriormente terá que efetuar o pagamento de uma determinada taxa para continuar acessando.

9 – Crie cursos online

Se a internet está repleta de informações, e se você domina um conhecimento capaz de ajudar alguém a solucionar problemas, então você unir o útil ao agradável e ganhar dinheiro com isso.

A venda de cursos online é essa alternativa. Você sabe fazer bolos deliciosos? Então venda um curso sobre esse assunto. Você domina as técnicas para tocar algum instrumento musical? Passe esse conhecimento adiante por meio de um curso.

Uma das vantagens é que os formatos dos cursos podem ser variados. Você pode utilizar os e-books (livros digitais) ou pode apresentá-los por meio de videoaula ou podcasts (arquivos de áudio).

10 – Você pode vender o seu site

Já se perguntou quanto vale o seu site? Se ele valer bastante, você poderá colocá-lo à venda. Existem alguns critérios que ajudam a determinar o valor do seu site e entre eles estão a taxa de tráfego, o lucro que ele geral e o crescimento constante que ele apresenta.

O Empire Flippers é um site que proporciona e orienta as vendas e compras de sites e outros projetos na internet.

Monetizar um site pode até ser demorado, mas está longe de ser impossível

Poder contar com uma boa plataforma de gerenciamento como o WordPress já é um passo inicial. A hospedagem de site e a compra de domínio também não podem ficar de fora.

Diante disso, escolha quais são as melhores soluções de monetização. Veja qual se encaixa com os seus objetivos e também com o perfil do seu site. Alternativas não faltam, portanto, se o assunto é ganhar dinheiro investindo em um site e em produção de conteúdo online, não esqueça dessas dicas.

*Condições no site